Mostrando postagens com marcador Mamãe Chef. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Mamãe Chef. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 13 de agosto de 2018

Batata Rosti


Gente, para tudo nessa batata!

Eu nunca tinha comido esse prato, mas folheando o livro espetacular da Rita Lobo, que meeeeega recomendo, "O que tem na geladeira?", encontrei essa simpática receita, usando pouquíssimos ingredientes (batata, azeite e queijo)! Fazer ou não fazer? Fazer!!!!! E deu super certinho e ficou uma delícia!

Mesmo que eu nunca tenha comido sou a cara de pau que faz as receitas pra ver no que vai dar! kkkkkkkk

Então se você não comeu ainda esta delícia experimente aí e me conte o que achou!!!

quinta-feira, 5 de julho de 2018

Pirulito rendado de chocolate


Fiz o chá de bebê da Maria Flor com o tema "Chuva de amor". Portanto, usei e abusei de nuvens e corações. Na hora de fazer pirulitos, queria uns em formato de nuvem. Tentei comprar forma, mas não encontrei. Então comecei a pesquisar o que poderia fazer e achei essa linda ideia de pirulitos.
Neste texto, ensinarei o passo a passo!

Festinhas, Mamãe Chef, pirulito de chocolate, decoração diy, decoração festa, decoração simples, dica de festa, DIY, chuva de amor, chuva de benção, pirulito de coração, pirulito de nuvem


terça-feira, 5 de junho de 2018

Junho, Festa Junina e o Mingau de Milho Verde

Enfim chegou o mês de Junho e eu ativei o modo #FESTAJUNINA


Pra mim o mês que tem a MELHOR festa do mundo! 

Várias pessoas me marcaram em fotos, vídeos e vários Memes nas redes sociais sobre a festa junina, roupas, decoração, festinhas, barraquinhas e principalmente sobre as comidinhas!
Gente, festa junina é MELHOR que carnaval! Pra mim é e sempre será! Comecei a ver várias postagens nas redes sociais,

 
Em qualquer lugar que você vá, qualquer mesmo, até na padaria vai ter canjica, mingau de milho verde, doce de abóbora, pamonha, entre outros. Mas ai eu me peguei pensando, porque essas comidinhas deliciosas só aparecem nessa época do ano? Por quê não tem canjica em Setembro? Maçã do amor em Janeiro? Arroz doce em agosto? Pé de moleque em Abril? Não achei uma explicação lógica ainda (e nem to muita preocupada) do porquê essas comidinhas só aparecem nessa época.

Mas vou deixar aqui uma receitinha rápida de uma das comidas que mais amo na festa junina, para ser feita quando estiverem com vontade de comer. 

MINGAU DE MILHO VERDE

Ingredientes:

- 2 latas de milho verde
- 1 litro de leite integral
- 1 lata de leite condensado
- 1 xícara de chá de leite em pó
- Açúcar a gosto
- Uma pitada de sal

Modo de preparo:

Retire todo o líquido da lata do milho verde e lave bem em água corrente.
Bata o milho com o leite no liquidificador até virar um suco.  Passe esse suco por uma peneira, para tirar todo o líquido do bagaço do milho. 
Coloque o suco coado, novamente no liquidificador e acrescente o leite em pó (na receita da minha vó está 1 xícara, mas eu sempre coloco para mais).

Em um panela alta, acrescente o líquido de milho,  o leite condensado e ligue o fogo baixo. Depois de alguns minutos misturando, vai começar a engrossar. Nesse ponto experimente o açúcar e acrescente o tanto que desejar (coloco um xícara de chá). Por último, coloque a pitada de sal. Sem parar de mexer.

Deixe ferver por 5 minutos sempre misturando muito, se não vai dar uns carocinhos. Quando chegar em um ponto que você deseja, desligue o fogo e continue misturando até esfriar um pouco. 

Despeje ainda quente em outro recipiente e polvilhe com canela a gosto. 

Foto Pinterest
Foto retirada do Pinterest
Essa receitinha, quem sempre faz é minha avó. Com aquele gostinho de fogão à lenha, mas que também, devem ser feitas no fogão ai da sua casa! 
E quando fizer, pode me chamar que eu vou! 

Um beijo e boa festança "procês", 
Carol


segunda-feira, 4 de junho de 2018

Bolo Integral de Abobrinha

Em nosso último encontro do Floresça Mãe tivemos um lanchinho colaborativo! Cada mãe levou algo e foi uma delícia a nossa confraternização! Lá havia um curioso bolo, feito pela nutricionista Stefânia Oliveira. Curioso, pois tinha um sabor incrível e ela nos perguntava: você acha que esse bolo é feito de que? Ninguém acertou. O bolo era feito de abobrinha!!!!! Isso mesmo A-B-O-B-R-I-N-H-A!!!! Sendo assim não tive escolhas senão convidá-la para contar sua receita aqui no blog! E claro, antes de publicar já testei a receita por aqui e fiz aquela foto pra fazer vontade! Hahahaha!

Achei a receita prática para hora da merendinha, para tomar no café da tarde e também pode ser uma ótima receita para se fazer em aniversários!


quarta-feira, 14 de março de 2018

Receita de Bolo de Amendoim

Para os amantes da cozinha ou do amendoim ou só amantes de comer mesmo... Receitinha de bolo de amendoim super prático e saboroso. Não sou nenhuma especialista de culinária, mas gosto de inventar e explodir alguma coisa na cozinha para sair da rotina. Vez em quando, bem de vez em quando, dá certo! Anota aí porque eu acertar uma receita é raridade, então todo mundo consegue fazer essa.

Foto do meu bolo: Heloisa Drumond Fotografias

quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

Bolo de Kit Kat da Minnie



E Bella fez 2 anos!! E se tem uma coisa que eu descobri após a maternidade é que fazer as coisas em casa é uma delícia! Logo eu a rainha das coisas práticas e que não dão trabalho!! Quem nos acompanha pelo Instagram no @bellanaoadormecida viu todos os preparativos para a festinha, e recebi muuuuuitas mensagens sobre como fazer o bolo!! Como promessa é dívida, chegou o grande dia!!

festa dyi, bolo de aniversário, bolo minnie, festa da minnie, faça você mesma

sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

Festinha em casa: Tema Unicórnios



Festinha em casa e temática! Nada diferente né? Só que essa foi a festinha dos meus 32 anos! Hahahaha! Adultos podem ter aniversários temáticos? Quem disse que não?! Já estou pensando altos temas para os próximos anos! Hahahaha!

Antes eu me divertia com a preparação temática para os aniversários da Nina e dos filhos de amigos e parentes, mas agora vou me incluir nessa lista!

Foi um aniversário para pouquíssimos parentes e amigos! Como foi no apartamento que moro não dava pra abusar, mas mesmo assim quis caprichar e fazer o aniversário de um tema que amo: unicórnios! Fotografias minhas: Heloisa Drumond Fotografias


segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

Empadinhas


Receita para anotar no caderninho de receitas e fazer sempre! Vale um empadão ou empadinhas!  O recheio fica de acordo com a sua criatividade. Costumo usar restinhos de carne para criar novas receitas. Vale até aquele estrogonofe que sobrou do almoço, sabe?! Seja criativa e invente combinações diferentes, reaproveite e crie lanchinhos recheados de delícias! Aqui em casa a partir desse ano de 2018 temos uma meta de usar o máximo dos alimentos que temos, não deixar as coisas se perderem na geladeira, inovar nas receitas para não enjoar daquela comida que sobra para mais refeições, usar e abusar da criatividade para comermos com alegria por aqui!

Caderninho de Receitas, Mamãe Chef, tem criança na cozinha, empadinha, empadão, empada, culinária, empadinha mais fácil do mundo

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

Aniversário Frozen - Uma nova leitura do tema


Marina queria um aniversário de Chapeuzinho Vermelho! Depois queria festa de Lobo Mau. Eis que começou a sonhar com o tal do lobo e ficou em pânico. hahahaha. E aí se encantou pelo filme Frozen e pediu um aniversário com esse tema para comemorar os 3 aninhos!

Já havia pesquisado várias fontes na internet e tudo me parecia sempre a mesma coisa: aquele azul, flocos de neve e prata. Tá bom que é o tradicional! Mas sabe quando bate uma vontade de mudar tudo, e ousar em tons e decoração! Pois bem! Aqui está o aniversário da Nina, tema Frozen, com uma nova leitura, cores diferentes, itens artesanais e muita participação familiar e de amigos!

As fotos são todas da amiga que amo e admiro muito o trabalho: Dione Lopes! Ela registrou cada detalhezinho fofo para eu poder contar aqui para vocês!

Frozen, aniversário, releitura, decoração, diy, faça você mesma, inspirações, tema frozen, palet

quarta-feira, 11 de outubro de 2017

O açúcar e a saúde infantil


Hoje temos um texto especial com a amiga e colaboradora Núbia Antunes, que é nutricionista infantil e ajuda mães e pais a fazerem com que seus filhos comam melhor, com uma alimentação saudável, atrativa e sem conflitos durante a refeição, através de atividade atividades lúdicas de acordo com a faixa etária. E o tema de hoje é: ingestão de açúcar e saúde infantil!

"As crianças brasileiras estão consumindo mais açúcar do que o recomendado pela a Organização Mundial de Saúde (OMS), que são 25 gramas por dia. Em uma bebida a base de achocolatado para criança, há em torno de 30 gramas de açúcar, o que ultrapassa o recomendado. 

Em apenas 3 unidades de biscoito recheado, há 14 grama de açúcar, além de uma grande quantidade de gordura. Em 600 ml de refrigerante, há 65 gramas de açúcar. Toda essa quantidade não tem necessidade alguma para a vida. 

A obesidade infantil vem crescendo muito nos últimos tempos, e sabemos que o excesso desses alimentos está diretamente ligado a esta patologia que, consequentemente, leva a outras doenças, pois o consumo em grandes quantidades de açúcar se transforma em gordura, causando a obesidade. 

sexta-feira, 18 de agosto de 2017

Aniversário DIY Anos 60


Neste ano minha mãe fez 60 anos, e claro, fizemos um aniversário no estilo Faça você Mesmo para ela! O tema escolhido foi um tema bem comum para quem completa essa idade: Anos 60! 

Ela quis caprichar na festinha e optou por fazê-la em um salão de festas, mas mesmo assim botamos a mão na massa para deixar o aniversário com a personalidade dela! Fazer uma festa com um tema que muitos já fizeram é desafiador pois é preciso trazer novidades em relação a um tema que já está mais do que validado. Quando pensamos em anos 60 sempre pensamos em bolinhas pretas, não é mesmo? No máximo umas bolinhas vermelhas.


sábado, 5 de agosto de 2017

Oficina Quitutes com Amor


Entre os dias 17 a 29 de julho ocorreu no Uma Casa a Colônia de Férias do Universo Coaching Kids! E nós estivemos lá com a Oficina Quitutes com Amor no dia 18 de julho! Lá estávamos nós, eu e a Aline, em nossa primeira oficina culinária!


Nossos alunos foram 4 meninos divertidos e cheios de criatividade! Começamos nossa oficina com uma experimentação às cegas para sentir cheiro, textura e sabores! Para a experimentação usamos os elementos que seriam utilizados em nossas receitas! Na hora de pegar no inhame vocês já podem imaginar a carinha deles né? Ou na hora de sentir o cheirinho do polvilho! Hahahaha!

E para este dia especial preparamos quitutes saudáveis: espetinho de frutas, pão de queijo com inhame, bolinho de banana e sucos diferentões, usando misturas inusitadas!

Na hora de montar os pães de queijo nossos alunos montaram até um escorpião com a massa! Hahahaha! Foi uma diversão que só! 

A proposta da nossa oficina foi de ir além do fazer algo na cozinha. Fazer as comidas foi o ponto de partida para instigar a cada criança à experimentar alimentos novos, a sentir o que se come (cheiro, tato, sensações, lembranças etc), inovar nas receitas colocando a identidade de cada um e não ter medo de alimentos saudáveis!

Foi uma experiência muito divertida e vamos guardar para sempre em nosso coração esses momentos!!!

Ao final cada criança recebeu um certificado de mini chef!!!

Veja tudo o que aconteceu por lá!

quarta-feira, 24 de maio de 2017

Papinhas em casa


Eu adoro papinhas! Fazia para a Nina quando pequenininha e para mim também! Hahaha! Delícia! Fui a gestante que comeu super bem na gravidez e quando a filha nasceu se preocupou muito com a alimentação dela também.

Como uma boa parte das crianças a Nina começou a se alimentar de alimentos sólidos aos 6 meses, antes disso foi amamentação exclusiva. Desde a gravidez, priorizamos os alimentos saudáveis, ao invés de encher a casa de industrializados. Com a chegada da Nina a preocupação aumentou ainda mais, afinal sabe-se que os primeiros 1.000 dias do bebê são importantes para toda a vida. Sendo assim, redobramos nosso cuidado com a alimentação.

Dizem por aí que ela tem um gosto exótico pois come umas coisas que nem eu mesma curto muito, como por exemplo o jiló e pepino! E assim vamos aprendendo juntas a comer bem!


Papá de Casa, Papinhas em Casa, BH, Papinha delivery, Mamãe Chef, introdução alimentar,


Existem mamães leitoras aqui de todos os tipos: que não gostam de cozinhar, que não tem tempo de deixar tudo preparadinho para as crianças, as que gostam e se divertem na cozinha e por aí vai! Em Belo Horizonte conhecemos uma empresa que faz papinhas deliciosas e faz a entrega em casa, que é a Papá de Casa. Recebemos por aqui algumas amostrinhas para experimentar e adoramos!

Papá de Casa, Papinhas em Casa, BH, Papinha delivery, Mamãe Chef, introdução alimentar,

Papá de Casa, Papinhas em Casa, BH, Papinha delivery, Mamãe Chef, introdução alimentar,

Papá de Casa, Papinhas em Casa, BH, Papinha delivery, Mamãe Chef, introdução alimentar,

Papá de Casa, Papinhas em Casa, BH, Papinha delivery, Mamãe Chef, introdução alimentar,

Recebemos algumas amostras para experimentar, e claro, comi também! Vieram 5 sabores: Papá de abóbora, Papá de fígado, Papá de canjiquinha, Papá de feijão branco (que foi a minha predileta), Papá de abóboras e Papá de feijão preto!

Cada papinha veio com uma ficha de descrição, detalhando os alimentos utilizados, bem como, os temperos. Foi bem útil pois a Marina é alérgica a alguns alimentos, sendo assim achei bem segura esta maneira de apresentar as papinhas.

Existe uma preocupação com cada fase de idade:
  • 6 a 8 meses: as papinhas são temperadas com cebola, alho, cebolinha, salsinha, manjericão e orégano, o que aumenta a oferta de vitaminas e minerais. Não contém sal, de acordo com a orientação dos pediatras e nutricionistas. 
  • 8 a 12 meses: papinhas temperadas com cebola, alho, pimentão e cebolinha, o que aumenta também a oferta de vitaminas e minerais. Elas contém uma quantidade mínima de sal que realça o sabor sem oferecer riscos à saúde, pois, é fonte de iodo (componente dos hormônios da tireoide).

Vieram também as instruções de preparação. As papinhas podem ser congeladas por até 90 dias após a data de fabricação. Após descongeladas devem ser armazenadas na geladeira e consumidas em até 24 horas. Muito prático e durável!

Por serem papinhas preparadas com orientação e acompanhamento de nutricionista especializada em alimentação infantil, achei bem confiável a escolha dos alimentos, a preparação, o fato de não ter conservantes e também a informação nutricional. Depois da descoberta da reação alérgica da Nina por alimentos passei a ser leitora assídua e crítica de todos os rótulos do que consumimos.

O sabor das papinhas é o que mais gostei! Os ingredientes da preparação são frescos e naturais. A papinha tem uma textura ótima. Os ingredientes vêm picadinhos, amassadinhos e misturados, mantendo assim o sabor. Muito importante não dar papinhas processadas pois a mastigação é um estímulo necessário ao bebê.

Outra preocupação que as mamães devem ter e que eles se preocupam é ter embalagens recicláveis e livres de bisfenol-A (BPA). 

E por fim, e muito importante, a entrega é realizada em casa, facilitando ainda mais a vida das mamães! Achei a experiência muito legal, e apesar da Nina não estar mais na fase de comer as papinhas ela adorou! Olha a carinha dela!

Papá de Casa, Papinhas em Casa, BH, Papinha delivery, Mamãe Chef, introdução alimentar,  Papá de Casa, Papinhas em Casa, BH, Papinha delivery, Mamãe Chef, introdução alimentar,

Beijos,







terça-feira, 16 de maio de 2017

A incrível batalha do almoço das crianças!


Aqui em casa as refeições estão um pouco difíceis!
Lara só quer arroz, feijão e carne/ovo SEMPRE! E Theo é um "Zé vai com os outros" se ela come, ele come, se ela reclama, ele reclama!
Nós, mães, nos preocupamos tanto com a alimentação deles né? Mas chega uma hora que cansa... Experimenta... é gostoso... só uma colherada! Aff...

A incrível batalha do almoço das crianças!
o Tradicional strogonof! Eles amam tanto que faço sempre!

segunda-feira, 15 de maio de 2017

Você sabe o que é BPA?


O Bisfenol A (BPA) é um composto utilizado na fabricação de policarbonato, que é um tipo de resina usada na produção da maioria dos plásticos. É muito utilizado em recipientes para armazenar comida, garrafas de água, refrigerantes e em latas de alimentos em conserva através de vernizes utilizados para esse tipo de revestimento. 

O problema é que quando esses recipientes entram em contato alimentos muito quentes ou quando são colocados no micro-ondas (onde a liberação do composto é maior), e até quando ocorre resfriamento da embalagem, o bisfenol A, presente no plástico, contamina o alimento e acaba sendo consumido junto com a comida. Estudos sugerem que, ao entrar em contato com o organismo humano, principalmente durante a vida intra-uterina, a substância pode afetar o sistema endócrino, aumentando ou diminuindo a ação de hormônios naturalmente produzidos pelo corpo humano, trazendo danos à saúde, como infertilidade, modificações do desenvolvimento de órgãos sexuais internos, endometriose e câncer. Segundo os pesquisadores, o componente tem similaridade com o hormônio feminino e da tireoide.

BPA, BPA Free, Alimentação Infantil, Papá de Casa, Belo Horizonte

Por precaução, alguns países, inclusive o Brasil, optaram por proibir a importação e fabricação de mamadeiras que contenham Bisfenol A, considerando a maior exposição dos indivíduos usuários deste produto. Esta proibição está vigente desde janeiro de 2012. Assim, mamadeiras em policarbonato não podem ser comercializadas no Brasil. Para as demais aplicações, o BPA ainda é permitido, mas a legislação estabelece limite máximo de migração específica desta substância para o alimento que foi definido com base nos resultados de estudos toxicológicos.

Como ainda existem estudos para aprofundar o risco que ele causa à saúde o ideal é evitar utilizar recipientes que contenham o BPA principalmente para grávidas e bebês. Para isso a dica é não utilizar embalagens que tenham os símbolos de reciclagem com os números 3 e 7 no seu interior e na parte posterior. Esses números indicam que as embalagens contem ou podem conter o BPA na sua composição.

Texto produzido em parceira com a empresa Papá de Casa.









sexta-feira, 7 de abril de 2017

Páscoa: Inspirações para você fazer!


Olá Mamães Sortudas!

Hoje queremos compartilhar com vocês nossa coletânea de produções para Páscoa! Esperamos que gostem e que se inspirem para fazer lembrancinhas criativas por aí, decorar a casa e criar momento lúdicos em família!

Lembrancinhas

Páscoa, Caça aos ovos, Decoração de Páscoa, Comidas criativas para Páscoa, Easter, Etiquetas, Download, Mamãe Criativa, Mamãe Chef, Festinhas, Lembrancinhas pascoa, ovo de páscoa, biscoito oreo, coelhinho da páscoa

sábado, 28 de janeiro de 2017

Empreendedorismo materno: Ateliê Luli Cake


No ano passado o destino se encarregou de me apresentar uma pessoa linda chamada Ana, uma mãe empreendedora com mãos de fada! Nosso encontro foi tão especial que nos rendeu recordações para toda vida! Temos um fator em comum: amamos cozinhar! Nosso encontro foi proporcionado por esta nossa paixão!

Para celebrar nosso encontro ela me enviou de presente um bolo de pote DI-VI-NO. Melhor assim: DIVIIIIIIIIIIIINO! Quando chegou estávamos eu e a Aline em reunião e nos deliciamos com o bolo. O sabor estava incrível!!!! O Bolo de pote era com recheio de limão siciliano e framboesa. Meuuuu Deeeeeus!!!! Que delícia! Queria poder comer um desse todos os dias! 

Ateliê Luli Cake, mãe empreendedora, mulher empreendedora, empreendedorismo materno, empreendedorismo, bolo de pote, o melhor bolo de pote

segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Bolo Tropical: Bolo Lorets


Das coisas que me fazem bem nesta vida cozinhar está na lista! Não aquela comida de dia-a-dia, mas sim cozinhar para um momento especial ou para alguma visita fofa! Recebi em minha casa em janeiro a amiga Lorenna, conhecida como Lorets. Trabalhamos juntas anos atrás. Ela mora nos EUA e sempre que vem ao Brasil nos encontramos! Amo nossos encontros pois sempre rimos muito e ficamos lembrando aquelas velhas histórias do passado. Hahaha!

Para receber a visita da Lorets e do seu marido Allan, que também é uma pessoa muito alto astral e animado, fiz este bolo tropical! A Lorets tem uma risada que dá vontade de guardar no potinho para escutar sempre. Em homenagem vai aí a receita do "Bolo Lorets", solar, cheio de alegria e cor vibrante, assim como ela!

A receita original eu aprendi no canal Vai Comer o Que (super recomendo!). Sendo assim, me inspirei e criei a minha versão. E como cheira bem este bolo! A casa ficou perfumada!

bolo de laranja, bolo de laranja fofinho, bolo tropical, mamãe sortuda

Calda:
1 1/4 xícara (chá) de água
1/2 xícara (chá) de açúcar
3 a 4 laranjas

Massa:
1/2 xícara (chá) de manteiga em temperatura ambiente
1 xícara (chá) de açúcar
3 ovos
1 colher (sobremesa) de essência de baunilha
1 xícara de suco natural de laranja
2 xícaras (chá) de farinha de trigo
1 colher (sopa) de fermento em pó
Comece pela calda. Misture a água e o açúcar e ligue em fogo alto. Enquanto isso corte as laranjas em fatias. Quando estiver fervendo coloque as fatias na calda e cozinhe por 10 minutos, em fogo baixo.

Enquanto isso faça a massa. Bata na batedeira ou à mão a manteiga com o açúcar até a mistura ficar clarinha. Adicione os ovos e a essência de baunilha e bata até ficar homogêneo. Acrescente o suco de laranja e a farinha de trigo, misture. Acrescente o fermento.

Escorra as laranjas e disponha as fatias no fundo da forma. Despeje a massa e asse até ficar bem dourado, em torno de 50 minutos em forno à 180º.

Use a calda restante para molhar o bolo após assado. Fica bem gostoso!

Tudo pronto!
Sirva com amor!

bolo de laranja, bolo de laranja fofinho, bolo tropical, mamãe sortuda

E não se esqueça, se fizer nos marque em suas redes sociais!

Beijos,

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

segunda-feira, 2 de janeiro de 2017

Antes e Depois: Perdendo muitos quilos!


Vamos começar o ano falando de coisa boa? Justamente hoje parece ser o dia oficial do início das mudanças no mundo: segunda-feira, primeiro dia útil do ano, do mês, primeiro mês do ano... dia oportuno para falar sobre emagrecimento, não é mesmo?!

emagrecimento, perdendo 20 kg, antes e depois,