quinta-feira, 20 de setembro de 2018

Embrião e vesícula vitelina não visualizados no ultrassom


Descobrir a gravidez é um mix de sentimentos!  Eu começo a tremer, sem saber o que fazer. Não sei se rio ou se choro. Para quem queria um bebê, é uma alegria sem fim. Para quem não estava planejando, é um susto enorme!
Mas, planejando ou não o bebê, todo mundo sabe que quanto antes começarmos o pré-natal, melhor para a mãe e para o bebê. Então, lá vamos nós... Milhões de exames de sangue (tiraram 6 vidrinhos de mim nos primeiros exames) e ultrassonografias.

Minha segunda gestação
No pedido de ultrassonografia, a médica escreveu “verificar viabilidade embrionária e datar gestação”.

Viabilidade embrionária? Ler isso assusta, né?! E quando você faz o ultrassom e não conseguem ver nem embrião, nem vesícula vitelina? A mulher já sai do consultório achando que não está grávida. Mas não é bem assim...

Fiz ultrassom com 5 semanas nas duas vezes que fiquei grávida. Na minha primeira gravidez, consegui ver o embrião. Na segunda gravidez, não consegui. 

embrião e vesícula vitelina não visualizados, gestação anembrionada, gravidez ectópica, Nasceu uma Mãe, saco gestacional, Minhas 24 Horas, gestação tópica, gestação eutópica
Exame feito na primeira semana de setembro

Eu fiquei tão neurada e com tanto medo! 
Não sou médica, mas vou contar minha experiência e o que médicos me explicaram mais o que pesquisei... Descobri que vários fatores influenciam em ver ou não ver o embrião no início da gravidez: 
  • O aparelho utilizado: alguns aparelhos são mais potentes que outros. Por exemplo, minha vesícula vitelina devia medir em média 3 mm. Pode ser pequena demais para aparelhos simples ou ultrapassados conseguirem captar.
  • O tamanho do embrião: nesta fase da gravidez, o embrião é um pontinho com, em média, 0,5mm. Isso mesmo: meio milímetro! É nada fácil ver algo tão minúsculo...
  • A data da gravidez: A vez que não vi, segundo a menstruação eu estava com 5 semanas e 1 dia. Porém, segundo o ultrassom eu estava com menos de 5 semanas. Porque essa diferença acontece? A data da gravidez começa a contar no primeiro dia da última menstruação, mas seu período fértil é dali a 14 dias. Portanto, você fica grávida cerca de duas semanas depois da data da ultima menstruação. Invés do seu bebê ter 5 semanas, ele teria 3. E ainda tem o fato de haver atrasos na ovulação (que é o que o médico crê que aconteceu comigo. Eu não ovulei no dia X. Ovulei no dia X + 2, por exemplo. Como ele sabe disso? Pelo tamanho do saco gestacional. Estava com apenas 6,9 mm). E também não há como saber exatamente quando o óvulo e o espermatozoide se encontraram. Então, os médicos contam a gravidez pela data da ultima menstruação, mesmo não sendo a idade exata do seu bebê.
  • A quantidade de beta HCG: meu beta HCG estava 687,7 mUI/mL quando descobri a gravidez. A médica disse que eu nada veria no ultrassom. Para ver, deveria estar acima de 1000 mUI/mL. Ela disse que a quantidade de beta HCG dobra a cada 48 horas. Então, sugeriu que eu fizesse o ultrassom em 4 ou 5 dias.
embrião e vesícula vitelina não visualizados, gestação anembrionada, gravidez ectópica, Nasceu uma Mãe, saco gestacional, Minhas 24 Horas, gestação tópica, gestação eutópica
Exame feito na última semana de setembro

Alguns médicos preferem não pedir ultrassom antes de 6 ou 7 semanas, para não deixar as mulheres preocupadas com uma possível Gestação anembrionada (o saco gestacional está vazio, sem embrião dentro. Isso porque o óvulo foi fertilizado, se implantou no útero, mas o embrião não se desenvolveu. É o chamado “ovo cego”. Há suspeitas de uma gestação anembrionária/ anembrionada se a vesícula vitelina não é vista quando o saco gestacional atinge um tamanho de 10mm ou mais, ou quando um feto não é visualizado quando o saco gestacional tem 18mm ou mais de diâmetro.). Então, se seu médico não solicitar, entenda-o.

Então porque os médicos pedem ultrassonografia tão cedo?
  • Alguns médicos pedem o exame para ver se o saco gestacional está direitinho no útero e não é uma gravidez molar (normalmente, o embrião se forma com 23 pares de cromossomos do pai e 23 pares de cromossomos da mãe. Em uma gestação molar, o “bebê” não recebe os cromossomos da mãe e se forma apenas com os do pai, em duplicidade. Então, as células que formariam a placenta se desenvolvem de maneira anormal, formando vários cistos juntos como um cacho de uva).
  • Confirmar que não é uma gravidez ectópica (óvulo fecundado fora do útero. Conheço uma mulher que teve que tirar trompa por isso).
  • Verificar gestação múltipla. Pode ainda não ser visto num primeiro ultrassom (caso os dois embriões estejam juntos), mas talvez sejam vistos mais de um saco gestacional!
  
Mas voltando ao não conseguir ver embrião e vesícula vitelina...
  • Entre 4 e 5 semanas de gravidez, é possível ver o saco gestacional (que se tornará a bolsa amniótica). O embrião ainda é muito pequeno para ser visto.
  • Com 5 ou 6 semanas, costuma ser possível ver a vesícula vitelina (responsável pela transferência de nutrientes para o bebê antes de o cordão umbilical ser desenvolvido) e ainda não ver o embrião.
  • Talvez apenas com 7 ou 8 semanas seja possível ver o embrião, ou seja, com quase 2 meses de gravidez!
Portanto, não se desespere antes da hora!

Quando devo me preocupar?
  • Saco gestacional acima de 25mm. Nesta fase, já com, em média, 8 semanas de gravidez, deve ser possível ver o embrião. O médico pode querer esperar mais um pouco antes de declarar a gestação como anembrionada/anembrionária.
  • Nível de beta HCG começa a cair: pode ser um indício de que a gravidez parou de progredir.
  • Nível de beta HCG bem alto e não há embrião: o nível de beta HCG aumenta de acordo com o tempo de gravidez. Portanto, se estiver acima de 50.000 mUI/mL, deve ser possível ver o embrião.

 Pesquisei muitoooo na internet e achei os dados abaixo para que sirva de parâmetro.
Como disse anteriormente, não sou médica e estes dados podem variar de laboratório para laboratório. 

Semanas de gravidez
Diâmetro do saco gestacional (mm)
Possível variação do saco gestacional (mm)
Quantidade de Beta HCG - mUI/mL
4
5
2 a 8
444,20 a 2739,60
5
10
6 a 16
3.000 a 5.900
6
16
9 a 23
6.000 a 19.000
7
23
15 a 31
20.000 a 49.000
8
30
22 a 38
50.000 a 1000.000
9
37
28 a 16
50.000 a 1000.000
10
43
35 a 51
50.000 a 1000.000
11
51
42 a 60
-
12
60
51 a 69
-





@minhas24horas



_

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada!
Volte sempre!